10 agosto 2014

{Resenha} Gosto de Você Assim (Francesco Gungui)


Olá leitores e blogueiros,

Vamos conferir a resenha que fiz da Editora Fundamento, parceira aqui do blog.


Livro: Gosto de Você Assim
Autor: Francesco Gungui
Editora: Fundamento
Páginas: 272

No Skoob


Sinopse: As conversas de sempre, as palavras de sempre. O seu futuro antes de tudo, você tem que fazer, você tem que entender... Mas por quê? Por que tenho que estudar? Por que tenho que me formar? Por que tenho que encontrar um futuro? Por que tenho que ler livros de que não gosto?" Uma reprovação na escola e o mundo de Alice vira de cabeça para baixo. Obrigada a passar as férias com a família em uma praia, afastada dos amigos e administrando os conflitos com a mãe, ela passa horas na frente do computador fazendo confidências a Lucas, seu melhor amigo. Mas aqueles dias que parecem se arrastar entre o céu e o mar trazem também algumas surpresas. Em meio a amizades inesperadas e amores imprevistos, Alice acaba concluindo que "tudo vai ficar bem", como diz Bob Marley na letra da canção. Porém esse verão inesquecível ainda não acabou e muita coisa pode mudar. Destino, sorte, acaso... o fato é que as coisas continuam acontecendo. E Alice terá que decidir o que fazer com elas. Afinal, o fim de uma viagem é apenas o começo de inúmeras possibilidades...





Quando vi a capa desse livro foi amor à primeira vista. Encantei-me pela sinopse e não pensei duas vezes em solicitar esse livro para a Editora Fundamento.

Iniciamos a leitura conhecendo Alice a personagem principal, onde a mesma está muito angustiada e preocupada com o rumo que sua vida irá ter após ela ver se passou de ano ou não na escola. Pois caso ela passa, Alice passará as suas férias de verão em Sardenha, longe de pais e irmão com suas amigas e longe de qualquer olhar adulto, mas caso ela reprove passara as suas férias de verão e ainda mais brigada com sua família em um acampamento para famílias em Apúlia.

Como já é de se esperar Alice foi reprovada, pois ela não gosta muito de estudar e não foi bem nas matérias. Vê a sua vida se transformar em um simples resultado. Os seus planejamentos de passar as férias com suas amigas vai por água a baixo. Com isso ela tem que aceitar os fatos e ir para o acampamento, onde ela não gostaria de voltar nem tão cedo. Nesse meio tempo conhecemos seu melhor amigo e ex-namorado Lucas, onde sempre está ao seu lado e tem ótimos conselhos para todas as situações. Achei-o muito fofo, pois é o tipo de pessoa que sempre está disposto em ajudar e fazer você feliz.

Chegando ao acampamento Alice planeja fazer um itinerário de estudos e mostrar para os pais que está muito arrependida e que vai aproveitar o tempo para estudar e ganhar o tempo perdido. Quando os pais não estão por perto, achando que Alice está estudando, ela tenta passa o tempo no computador do acampamento conversando no Messenger com o Lucas.

"Sou obrigada a assumir o meu desagradável status de “sem par”. Não posso deixar de pensar que “sem par” é por excelência o adjetivo das meias que, por sua natureza, tendem a perder o par e seguir o seu próprio caminho."

Após ela brigar com o Lucas pelo Messenger e ele dizer coisas horríveis e verdadeiras sobre o seu comportamento. Alice resolve da um tempo em Lucas e sai pela praia pensativa sobre tudo que leu a seu respeito. Com esse passeio na praia ela da de cara com Martina uma menina de sua escola onde é considerada popular e descolada. Elas nunca se que conversaram, mas que as ironias do destino às fizeram topar no mesmo caminho e iniciar uma conversa, onde irá surgir uma amizade bem sincera e verdadeira entre as duas.

"Não estou chorando por causa do concurso de dança do acampamento ou pela porcaria de noite, nem porque fui reprovada e sequer por causa do Lucas. Choro porque, se olho para trás, para o ano que acabou de terminar, não consigo encontrar nada de bom que eu queira contar."

A partir desse encontro, o livro de fato começa a se movimentar e a história a se desenrolar. Alice irá conhecer e se misturar com a turma da Martina, o um rasta chamado Daniel, o tatuado Roby e Mary, uma menina toda dondoca, mas legal. A relação de todos é bem gostosa, eles conversam de um tudo desde coisas fúteis à filosofia, bebem, se divertem. Até que depois de um acontecimento, rola um clima entre Alice e Daniel e eles ficam. A relação dos dois é meio confusa no início, mas depois conseguem se entender. Só que o Lucas aparece de surpresa e irá deixar Alice meio confusa e fazer coisas meio chatas com o Daniel.

"Tenho muita gente à minha volta, mas não muitos amigos. Não é a mesma coisa."

É evidente que o autor formou um triangulo amoroso, mas não fica uma coisa forçada e nem muito menos com investidas que deixam pessoas sem jeito, de forma alguma, o autor soube bem trabalhar com as sutilezas desse relacionamento complicado e soube também colocar personagens em lugares certos, sem causar certo desconforto na leitura ao algum clima desagradável.

Gostei da escrita do autor, do desenrolar que ele deu aos personagens. Nesse livro não vemos só festa, bebidas e filosofias, vemos também conflitos com pais, assédios, depressão, são coisas fortes que o autor sobe colocar e não deixar a leitura muito carregada. Ele também cita o Brasil, onde achei bem legal, cita blog, pois tem personagem blogueiro. Os capítulos são bem curtos, assim deixando a leitura fluir mais rápido. A Editora Fundamento está de parabéns com a diagramação do livro, a capa como disse é linda. Enfim, é muito gostoso de ler sobre esses personagens, gostei da narrativa. Estou ansiosa para ler a continuação e recomendo para todos.

Nota:




12 comentários:

  1. Oi, Solange, gosto de livros que tratam de maneira leve assuntos muito intensos e importantes. Este livro parece ser assim, é a impressão que fiquei após ler sua resenha.
    Parabéns! Beijos.

    ResponderExcluir
  2. Olá Sol!!!

    Mais uma vez a editora Fundamento esta de parabens em nos presentear com mais uma historia que nos faz refletir sobre nossas vidas e ate mesmo resgatar o que ja passamos, não tive a oportunidade de ler esse ainda mas gostaria muito como sempre venho mais uma vez agradecer por sua resenha simples mas ao mesmo tempo atrativa e inteligente . Que você continue assim .

    Obrigado!!!

    ResponderExcluir
  3. Olá
    Apesar da história ter te conquistado, dos capítulos serem curtos, uma coisa bem bacana, eu não me interessei pelo livro. Não gosto de triângulos amorosos, prefiro me aventurar por outros tipos de leituras.

    Abraço!
    www.umomt.com

    ResponderExcluir
  4. Ah, achei a capa fofa! ^^ A sinopse é instigante com esse monte de perguntas que todos nós já fizemos um dia, nem que seja na nossa própria cabeça. Fiquei curiosa pra saber o destino de Alice, mesmo imaginando o que tenha acontecido. rs
    Beijinhos!
    Giulia - Prazer, me chamo Livro

    ResponderExcluir
  5. Oi!
    Eu não gostei da capa, acredita? Ela não me atraiu em nada rs
    Mas gostei da sua resenha, talvez eu leia o livro no futuro :)

    Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Não me lembrava dessa capa nas minhas andanças pelo site da Fundamento, adorei, mas aí você usou as duas palavrinhas mágicas que me espantam: triângulo amoroso. Curti bastante ter um personagem blogueiro, mas não vou querer ler por enquanto.

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  7. Oi Sol
    Não conhecia o livro e pela sua resenha, parece ser ótimo. Achei a capa linda e só por ela compraria.
    Adoro livros com capítulos curtos. Mais um anotado pra minha imensa lista.
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Oi Solange, tudo bem???
    Eu gostei da capa do livro e do nome, porém não me encantei muito com a história... apesar de gostar muito do tema... Achei bem interessante os pontos que você levantou principalmente sobre o triângulo que não é tão forçado... Xero!

    ResponderExcluir
  9. Oi Flor!
    A fundamento sempre faz livros lindos, eu gosto muito de lelos, gostei desse, apesar que a capa não me encantou como a vc, mais gostei do enredo!
    Parabéns pela resenha!
    Beijos!!!!
    Paulinha Juliana
    http://overdoselite.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. A leitura parece bem indicada para adolescentes, os conflitos de amor, amizade, escola e popularidade. Mas não imaginava que teria um triângulo amoroso hahaha isso me espantou ainda mais por você contar que o autor trabalhou bem esse aspecto. Não faz meu estilo, mas daria de presente para um dos adolescentes da família haha

    ResponderExcluir
  11. Poxa vida... Tinha me interessado, mas o final da sua resenha me quebrou! Ter um triângulo amoroso, e continuação, me desanimou um monte, pq são duas coisas que estou fugindo!! Mas a leitura parece bem leve, e isso eh mto divertido! Livros fáceis de ler, e msn assim com temáticas importantes sobre os conflitos adolescentes são sempre bem vindos! Espero q vc goste da continuação como gostou desse!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha, posso te garantir que o triangulo amoroso, não é nada forçado.
      Lemos que nem percebemos que isso existe, você vai se surpreender
      com o final dele. hahaha Espero que um dia você possa ler,

      bjs

      Excluir

Olá, leitores e blogueiros.
Os comentários de vocês são muito bem-vindos.
Respondo a todos, deixe o link de seus blogs,
vou adorar visitar e comentar.

Bem vindos a Love Books.