11 julho 2013

{Dica da Semana} O Cavaleiro Solitário (The Lone Ranger)



Olá leitores e blogueiros,

Quem gosta do Johnny Depp, levanta a mão! \o/. Nesta sexta-feira, dia 12 de Julho, vai ser o lançamento do mais novo filme dele, como fã de carteirinha, estou bem animada.

Vamos conferir a dica de filme?



Quando soube que iriam lançar um filme com o Depp, fiquei bastante curiosa para saber do que se tratava o filme. Pelas roupas do filme, logo me veio a mente que este filme era inspirado em algum livro por exemplo. Lendo mais afundo, descobri que ele é uma adaptação que ficou conhecida aqui no Brasil como Zorro, o Cavaleiro Solitário. Vou explicar melhor à vocês.

Criado por George Washington Trendle e equipe, e desenvolvido pelo escritor Fran Striker, o The Lone Ranger, é um cowboy fictício que atuaria na rádio, cinema e televisão. A sua tradução para o português teve muita dificuldade, ficando sem sentido, no Brasil ficou conhecido por bastante tempo como Zorro.  Nas versões mais recentes, o cowboy é chamado de O Cavaleiro Solitário. O seu eterno companheiro é o índio Tonto com o seu cavalo que se chama Scout, que permaneceram com o mesmo nome. Além da máscara negra e do companheiro índio, Lone Ranger possui um belo cavalo branco chamado Silver, que ficou famoso pelo grito que o herói dava ao se despedir a galope em direção ao horizonte: "Hi-yo Silver, away!".

Por ter sido criado por George W. Trendle, Lone Ranger seria tio-avô do Besouro Verde. O autor confirmou o parentesco ao chamar de Britt Reid, a identidade secreta do Besouro. É o mesmo sobrenome da identidade secreta do Lone Ranger, cujo nome é John Reid.

Em 30 de janeiro de 1933,  foi feita a primeira transmissão de Lone Ranger no canal de rádio WXYZ de Detroit, Michigan. A sua última transmissão com episódios inéditos foi em 3 de setembro de 1954.
Mas o heróico cowboy se tornaria conhecido internacionalmente graças a série de TV estrelada por Clayton Moore, que foi produzida de 1949 a 1957. No cinema, os filmes foram produzidos pela Republic Pictures. Moore foi substituído por John Hart no período de 1952-1954. Jay Silverheels era o Tonto. Em 1956 e 1958 Clayton Moore realizaria dois filmes com seu personagem.


Nos desenhos animados, Lone Ranger apareceu na CBS, durante o ano de 1966 a 1968. Nos anos 80 ele dividiu um programa da Filmation com o Zorro e o Tarzan.

Nos quadrinhos foi distribuído como tira de jornal pelo King Features Syndicate, órgão norte americano, de 1938 a 1971. Inicialmente desenhado por Ed Kressy, que foi substituído em 1939 por Charles Flanders (conhecido por suas ilustrações do Agente Secreto X-9, quando Alex Raymond parou de fazê-las), que se manteve até o final. Em 1981, houve outra tira escrita por Cary Bates e desenhada por Russ Heath, que durou até 1984. Em 1948 a Dell Comics lançou a revista em quadrinhos, que teve 145 edições, com reproduções das tiras dos jornais, mas também com produção inédita. Em 1962 a Gold Key Comics continuaria com as revistas até 1977. Tonto teve sua revista própria em 1951, que durou 31 edições, assim como o cavalo Silver, lançado em 1952 com 34 edições. Foram ainda lançadas três anuais e uma adaptação do filme de 1956. No Brasil, estreou no nº 232 de O Globo Juvenil, em dezembro de 1938. Em 2010, a Dynamite Entertainment anunciou um crossover onde o Cavaleiro Solitário e o verdadeiro Zorro se encontram, intitulado The Lone Ranger: The Death of Zorro (O Cavaleiro Solitário: A Morte de Zorro).


Antes de ser publicado pela Editora Brasil América Ltda, o Zorro figurou nos periódicos: O Globo Juvenil, Gibi tri-Semanal, Almanaque de O Globo Juvenil, Biriba, Novo Gibi, Novo Globo Juvenil e Guri. No período da Ebal, participou da Chamada Geral e foi publicado por diversos suplementos de jornais do país e pelos tablóides Suplemento Quadrinhos e Super Plá, e sua última passagem pelo Brasil foi em uma produção independente do CLUC (Clube dos Quadrinhos).

Houve várias denominações: (Guarda Vingador, Cavaleiro Solitário, Justiceiro Mascarado, Kid Roger e Cavaleiro Mascarado), The Lone Ranger sempre foi mais conhecido no país como Zorro, e somente a partir das duas últimas décadas foi considerada a tradução Cavaleiro Solitário.

Em 1938, a Republic Pictures produziu o primeiro seriado com o personagem, The Lone Ranger (no Brasil, O Guarda Vingador), em 15 capítulos, sob direção de William Witney e John English. Estrelado por Lee Powell, apresentava o Chefe Thundercloud como o índio Tonto. O seriado tinha um mistério, pois questionava quem seria o Lone Ranger entre os 5 Texas Rangers que o protagonizavam, interpretados por George Lentz (George Montgomery), Lane Chandler, Hal Taliaferro, Herman Brix (Bruce Bennett) e Lee Powell, que se revelaria, no final, como o Lone Ranger.
Em 1939, foi realizada uma continuação, o seriado The Lone Ranger Rides Again (no Brasil, A Volta do Cavaleiro Solitário), com Robert Livingston no papel de Lone Ranger, ao lado do mesmo Chefe Thundercloud como Tonto, Duncan Renaldo e Jinx Falken.
Em 1940, o primeiro seriado The Lone Ranger, foi relançado em nova edição, reduzido como longa-metragem de 69 minutos, sob o título Hi-Yo Silver.

Clayton Moore e Jay Silverheels fizeram os longas-metragens The Lone Ranger (no Brasil, Justiceiro Mascarado), em 1956, sob direção de Stuart Heisler, e The Lone Ranger and the Lost City of Gold (no Brasil, Zorro e o Ouro do Cacique) em 1958, sob direção de Lesley Selander.
Em 1961 a CBS lançou um piloto para outra série de TV, chamado Return of The Lone Ranger, estrelado por Tex Hill.
Em 1981 foi lançado o filme The Legend of the Lone Ranger, considerado um fracasso.
Em 2003 a Warner Brothers lançou um telefilme de duas horas, um piloto de uma provável série. O filme, porém, não empolgava, e o projeto foi cancelado.


Entenderam um pouco sobre a história de Lone Ranger, o Cavaleiro Solitário? Por mais que se pareça com o Zorro, as histórias e trajetórias são diferentes. É uma pena o Brasil ter confundido as tramas e ter feito dois personagens em um só. Já reformularam isso, um tanto tarde, pois muita gente vai assistir achando que é o Zorro, como eu pensei quando soube da participação do Depp no filme.

Vamos falar um pouco sobre esse novo filme do The Lone Ranger.



Elenco: Johnny Depp, Armie Hammer, Helena Bonham Carter, William Fichtner, Tom Wilkinson, Ruth Wilson, Barry Pepper, James Badge Dale, James Frain, Matt O'Leary, W. Earl Brown, Landall Goolsby.
Direção: Gore Verbinski
Gênero: Aventura
Duração: 149 min.
Distribuidora: Disney Pictures
Orçamento: US$ 250 milhões
Estréia: 12 de Julho de 2013 (Brasil) - 3 de Julho de 2013 (EUA)

Sinopse: Do produtor Jerry Bruckheimer e do diretor Gore Verbinski, a equipe de cineastas por trás da franquia campeã de bilheteria Piratas do Caribe, chega O Cavaleiro Solitário, uma eletrizante aventura com muito humor e ação na qual o famoso herói mascarado ganha vida através de novos olhos. Tonto (Johnny Deep), o espírito guerreiro nativo americano narra as histórias não contadas que transformaram John Reid (Armie Hammer), um homem da lei, em uma lenda da justiça, levando o público em uma acelerada viagem cheia de surpresas épicas e muito humor enquanto os dois improváveis heróis precisam aprender a trabalhar juntos e lutar contra a ganância e a corrupção.




The Lone Ranger (no Brasil, O Cavaleiro Solitário) será um filme de ação norte-americano, onde conta a história de um justiceiro mascarado no velho oeste. Dirigido por Gore Verbinski, escrito por Terry Rossio e Ted Elliott, distribuído pela Walt Disney Pictures e estrelado por Armie Hammer como Lone Ranger, Johnny Depp como Tonto, Ruth Wilson como Rebecca Reid, James Badge Dale como Dan Reid, Barry Pepper como Capitão Jay Fuller, William Fichtner como Butch Cavendishe, Helena Bonham Carter como RedMason Cook como Will, Harry Treadaway como Frank, Jason E. Hill como Seamus e Tom Wilkinson como Latham Cole completando o elenco do filme.

Com um orçamento de 250 milhões de dólares, a Disney esperava que o retorno do público americano fosse grande, já que foi lançado num feriado prolongado. Mas o resultado foi muito ruim, com um massacre da crítica e uma bilheteria total de 48,9 milhões de dólares. Não atingindo as expectativas da Disney. Só para lembrar, no ano passado eles passaram por isso com o filme John Carter: Entre Dois Mundos, com um prejuízo operacional de 84 milhões no trimestre.
Apostaram todas neste filme pois o diretor Gore Verbinski e o produtor Jerry Bruckheimer são os mesmos da renomada trilogia Piratas do Caribe, assim como, Johnny Depp.


Criticas a parte, estou bem animada para assistir e rever o Depp e a Helena Bonham Carter atuando juntos novamente. Com este já é o sexto filme que eles atuam juntos. Os anteriores foram: A Fantástica Fábrica de Chocolate (2005), A Noiva-Cadáver (2005), Sweeney Todd - O Barbeiro Demoníaco da Rua Fleet (2007), Alice no País das Maravilhas (2010) e Sombras da Noite (2012). Adoro os dois e não poderia perder as suas atuações.

Espero ter passado um pouco de informação sobre a história do Lone Ranger, ter esclarecido alguns pontos, e tirar dúvidas se vale a pena ou não assistir ao filme. Eu pelo menos vou. E vocês, estão animados? Vão assistir ao filme? Nos contem tudo e não escondam nada, rsrs.





9 comentários:

  1. Oie :)

    Eu irei assistir esse filme nos cinemas no dia de estréia e estou bastante empolgado, Depp e Helena <3

    http://euvivolendo.blogspot.com.br/ ( comenta lá :D )

    ResponderExcluir
  2. Eita homem para fazer coisas estranhas. kkkkkkkkkkkk
    Mas vou morrer amando cada filme e cada coisa que ele faz. Amo esse ator em demasia!
    Tinha visto a dica desse filme há bastante tempo. Obrigada por me lembrar dele.

    bjus
    terradecarol.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Amo o Jonny,
    ele vai está mais louco que nunca nesse filme hehehe
    nem sei quando vou poder assistir os lançamentos só chegam na minha city, quando já está pra sair o dvd hehe

    Valeu pela dica

    http://soubibliofila.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Opa, quero muito assistir, e nem sabia dessa diferença heimm..
    Gostei muito do seu post, foi muito instrutivo!!
    Agora eu tenho que ver quando vai passar na minha cidade..

    beijos Mila

    ResponderExcluir
  5. Oi,
    Eu quero muito ir assistir esse filme no Cinema, já está na minha lista.
    Beijos,
    Yasmin
    deitadosnagrama.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Toda hora passa na Sky a propaganda desse filme e só por causa disso eu já estou louca para assistir!
    Imagina quando eu soube que era com o Depp? <3

    Um beijo,
    Luara - Estante Vertical

    ResponderExcluir
  7. Eu sempre gostei do Zorro. Já assisti a vários filmes, e já li alguns quadrinhos sobre ele. Adoto o Depp, e tenho certeza que será um bom filme.
    Lia Christo
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
  8. Não adianta... Não consigo curtir as interpretações de Depp.
    Acho que ele sempre acaba imitando algo do Jack Sparrow.

    Podem me bater agora!

    Bjs

    ResponderExcluir
  9. Mesmo tendo no elenco Jonhnny Depp, um ator que gosto muito é pouco provável que veja este filme. Não lia os quadrinhos e nem via o desenho

    ResponderExcluir

Olá, leitores e blogueiros.
Os comentários de vocês são muito bem-vindos.
Respondo a todos, deixe o link de seus blogs,
vou adorar visitar e comentar.

Bem vindos a Love Books.