14 junho 2013

{Gastronomia ou Literatura} Cinquenta Tons de Cinza (E. L. James)



Olá pessoas bonitas, tudo bem?

Depois de um tempo ausente, voltei aqui para trazer um post sobre um livro que li recentemente e que está causando o maior rebuliço, como diria minha vó. Estou falando de "CINQUENTA TONS DE CINZA".



De início fiquei meio apreensiva em ler ele , mas depois me chamou muito atenção, certo, é meio forte, com partes pra lá de picantes, mas o que despertou minha curiosidade foi o emocional dos personagens, foi algo que me deixou impressionada e me motivou a continuar lendo.




Já não deve ser mistério para ninguém que se trata de um livro hot, que conta o romance tórrido entre Christian Grey e Anastacia. Ele, um enigmático empresário com o gosto meio diferente para fetiches sexuais, e Ana, uma moça jovem, virgem até conhece-lo, que se vê na difícil decisão, aceitar as regras do jogo, ou perder aquele por quem está perdidamente apaixonada.

É um livro um pouco pesado, dessa forma não recomendo para menores de idade, pois contém partes inadequadas, mas também é um livro intenso e que nos prende a leitura, as características dos personagens me impressionaram demais, um livro realmente marcante.

Mas vocês devem estar achando estranho, onde entra a culinária nesse livro, já que ele é praticamente resumido em sexo, e isso eu já vou dizer. Em alguns momentos percebe-se que Grey se preocupa muito com o bem estar de Ana, assim, se preocupando com a sua alimentação. Em várias passagens do livro é relatado o café da manhã deles, que diferente do nosso tradicional café com pão, é recheado de alimentos, um desses alimentos é a panqueca, que eu particularmente adoro. Daí então resolvi trazer para rechear o mês dos namorados uma receita saborosa que sem dúvida seu amor irá amar.



Panqueca



Ingredientes

1 ovo;
1 xícara de farinha de trigo;
1 xícara de leite;
1 pitada de sal;
1 colher de sopa de óleo.

Modo de preparo

Coloque todos os ingredientes no liquidificador e misture bem. Fica uma massa bem líquida.
Aqueça uma frigideira untada com óleo em fogo baixo (se for de um bom Teflon, não precisa, mas atenção, apenas unte, nada de sobras de óleo na frigideira, o ideal é colocar um fio de óleo e espalhar com um guardanapo ou papel toalha).

Coloque um pouco da massa na frigideira não muito quente e esparrame de modo a cobrir todo o fundo e ficar só uma camada fina de massa (essa massa pode ficar bem fina mesmo, ela não quebra na hora de enrolar).  
Ela vai ficar ligeiramente mais escura das bordas para o meio e, quando igualar, está pronta para virar (o ponto é quando ela para de grudar e se solta facilmente da frigideira).

É bem rápido. Depois de igualar os dois lados, retire com uma espátula pelas bordas e passe para um prato limpo e seco, acrescente o recheio de sua preferência, enrole, ponha numa travessa ou assadeira levemente untada com óleo e cubra com seu molho favorito.
O recheio fica a sua escolha, eu gosto sempre de fazer de frango com queijo, fica incrível.



Bom pessoal, esse foi o meu olhar sobre um dos livros mais polêmicos da atualidade e a minha receitinha para o dia dos namorados, surpreenda seu amor, comece conquistando o estômago dele, kkkk, brincadeira.

Bjos!



9 comentários:

  1. Adoro essa postagens com receitas de comida e livros, mesmo que eu tenha problemas sérios até para seguir as receitas mais simples do mundo. kkk

    Amo panqueca!!

    bjus
    terradecarol.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Oie!
    Muito boa ideia deste post, eu amo panqueca, inclusive vc me deu uma ideia do que fazer pro jantar rsrsrsrs
    Eu sempre quis comer essas panquecas americanas com aquele tal xarope de bordo, imagino que deve ser tipo o nosso waffle, mas nunca comi =C
    Bjocas!!

    ResponderExcluir
  3. Menina, nem me ligo nessas paradas... kkkkkkkk
    Mas acho legam fazer esses posts criativos sobre gastronomia e literatura...

    ResponderExcluir
  4. Eu sempre adorei seus posts de culinária literária!!

    adoro panqueca e a receita está anotada!!

    bjsss

    Bianca

    http://www.apaixonadasporlivros.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Adorei sua postagem e até me animei a fazer panqueca para o almoço de domingo. Quanto ao livro, eu gostei, mas não achei isso tudo que falaram por aí. Bjus
    Lia Christo
    www.docesleras.com.br

    ResponderExcluir
  6. Mmmmm, adoro panqueca.
    Achei o post muito criativo... vou adorar ver mais desses!

    Bjs

    ResponderExcluir
  7. Eu detestei tanto o livro que parei no meio dele e até agora, seis meses depois, ainda não criei coragem pra ler o restante, kkkk

    bjooos

    Colecionando Livros!

    ResponderExcluir
  8. Adorei, sabe que eu comprei este livro tem tempo e não li, coloquei ele para troca no Skoob, e recebi uma oferta de troca, acertei td, mais antes resolvi dar uma olhada no livro, até que eu gostei e numa noite cheguei até a página 52..
    Até que eu gostei, por enquanto..
    Adorei a receita..

    beijos

    ResponderExcluir
  9. oi,
    Barbará adora a sua coluna aqui no blog. Acho ótimo suas asociações e há livros que dá margem pra tanta coisa né Adorei

    ResponderExcluir

Olá, leitores e blogueiros.
Os comentários de vocês são muito bem-vindos.
Respondo a todos, deixe o link de seus blogs,
vou adorar visitar e comentar.

Bem vindos a Love Books.