12 junho 2013

{Convite à Leitura} As Mentiras que os Homens Contam (Luis Fernando Verissimo)



Olá blogueiros...!

O Convite à Leitura de hoje evidencia o livro "As Mentiras que os Homens Contam", do escritor Luis Fernando Verissimo.




Editora: Objetiva
Páginas: 168
Gênero: Literatura Nacional / Contos e Crônicas

Sinopse: "Quantas vezes você mente por dia? Calma, não precisa responder agora. Também não é sempre que você conta uma mentira. Só de vez em quando. Na verdade, quando você mente, é porque precisa. Para proteger o outro - e de preferência, a outra. Foi assim com a mãe, a namorada, a mulher, a sogra. Questão de sobrevivência. Tudo pelo bom convívio social, pela harmonia dentro de casa, para uma noite mais simpática com os amigos. Você só mente, no fundo, para poupar as pessoas, e sobretudo, para o bem das mulheres. Luis Fernando Verissimo, este observador bem-humorado do cotidiano brasileiro, reúne aqui um repertório divertido de histórias assim - tão indispensáveis que, de repente, viram até verdades. Depende de quem ouve. Depende de quem conta. As Mentiras que os Homens Contam reúne crônicas do autor sobre o tema, espalhadas em vários de seus livros ou publicadas nos jornais."



Considerado um dos maiores cronistas dessa época, Verissimo aborda nesta obra as questões iniciais da mentira, o que nos leva e por qual motivo mentimos. Com uma linguagem informal e descontraída, o que não desqualifica jamais o livro, tenta dessa forma uma aproximação maior com o leitor. Constituído de quarenta e um textos relativamente curtos, como são as crônicas, desperta e faz com que quem lê reflita sobre determinada atitude.


“Às vezes, a única coisa verdadeira num jornal é a data.”
Luis Fernando Verissimo


Sempre que posso releio este livro, pois ele tem a capacidade de ser divertido sem ser clichê. Mentiras de homens e mulheres. Como ele próprio narra, às vezes tem seu início na infância. E a primeira vítima é a mãe. Depois vêm as namoradas, a esposa, a sogra, os amigos, o patrão. E se torna um comportamento compulsivo. Muitas vezes lançamos mão delas para evitar algum tipo de constrangimento ou para escapar de broncas, outras pela terrível necessidade de não magoar os outros, ou até mesmo por mera brincadeira.

Não tem como escapar — as mentiras vão sempre estar presentes no cotidiano do ser humano. E se muitas vezes são mentiras inocentes, sem maiores consequências, em outras situações elas assumem dimensões gravíssimas e podem levar a um desfecho trágico. Quem nunca se deparou com um estranho na rua com a constrangedora pergunta: "Lembra de mim?" E você, mesmo sem saber de quem se trata, responde: "Claro." E, aí, tenta ganhar tempo e mais algumas dicas para decifrar a identidade do inconveniente sujeito.

São estas e tantas outras situações da qual o escritor nos questiona e nos faz repensar determinadas condutas. Espero que gostem e desfrutem desse grande livro da Literatura Nacional.



 

6 comentários:

  1. Eu simplesmente adoro a forma como o Verissimo escreve. Reli este livro uns dias atrás. Tenho mais outro dele e gosto bastante.
    Beijos...

    ResponderExcluir
  2. Parece ser um livro bastante interessante. Qualquer hora dessas dou uma lida.
    Lia Christo
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
  3. Olá, preciso lembrar de dar este livro para a minha sogra, ela é daquelas que acreditam 110% em tudo que está no jornal... E não adianta discutir, então melhor dar um livro de um autor que ela admira, quem sabe assim melhora neh rsrsrsrs
    Bjos

    ResponderExcluir
  4. Adorei e gostaria muito de ler..
    Beijos Mila

    ResponderExcluir
  5. Adoro Veríssimo! Curto o humor ácido e afiado dele.
    Coloquei na lista!

    Bjs

    ResponderExcluir
  6. Amo Veríssimo de paixão. Na verdade é um dos únicos escritores brasileiros que me consegue fazer rir e pensar ao mesmo tempo. Assim como o Jô Soares.

    ResponderExcluir

Olá, leitores e blogueiros.
Os comentários de vocês são muito bem-vindos.
Respondo a todos, deixe o link de seus blogs,
vou adorar visitar e comentar.

Bem vindos a Love Books.