05 fevereiro 2013

{Resenha} A Hora Mais Escura - Oscar 2013


Olá pessoal,
Segunda resenha do Desafio Oscar 2013, lhes apresento "A Hora Mais Escura".
Um filme que eu estava com muita expectativa, porém, esperava bem mais do que eu vi! 
Espero que gostem, opinem.
Vamos ao longa...



Título Original : Zero Dark Thirty
Título Nacional : A Hora Mais Escura
Direção : Kathryn Bigelow
Elenco : Jessica Chastain, Jason Clarke, Joel Edgerton, Jennifer Ehle, Kyle Chandler
Gênero : Drama/Thriller/Fato Histórico
Duração : 157 min.
Distribuição : Columbia Pictures
Orçamento : US$ 40 milhões
País : Estados Unidos da América
Ano de Lançamento : 2012
Estréia no Brasil : Previsto para 15/02/2013
Página Oficial : http://zerodarkthirty-movie.com/


Sinopse
"A história do filme mostra os eventos e personagens que giram em torno da caça e do assassinato do terrorista Osama Bin Laden, mostrando como aconteceu a operação organizada pelas forças especiais do exército dos Estados Unidos da América."



Dirigido por Kathryn Bigelow que levou o Oscar de melhor direção em 2010 com o filme "The Hurt Locker" (Guerra ao Terror), filme esse que foi o grande premiado da noite, "A Hora Mais Escura" não é um filme para qualquer um.

Estrelado por Jessica Chastain (A Árvore da Vida , Histórias Cruzadas ), Jason Clarke (Inimigos Públicos , Os Infratores), Joel Edgerton (Rei Arthur), Jennifer Ehle (O Discurso do Rei, Tudo pelo Poder) e Kyle Chandler (Super 8, Argo), o filme nos mostra a caçada em torno de Osama Bin Laden e os fatos ocorridos desde o 11 de setembro até a operação que gerou sua morte, baseado nos relatos em primeira mão dos eventos reais.

Vou dividir o filme em 3 partes:

Parte 1 - O filme se inicia com uma narrativa em tela preta com o áudio de pessoas durante o atentado do 11 de setembro, gritos e desespero no meio da confusão toda que aconteceu. Após isso, vamos acompanhando o pessoal da CIA nos interrogatórios em busca de informações que levassem a Bin Laden. Com "interrogatórios", eu quis dizer torturas e humilhações, para dar aquele choque no espectador, mas até que foi de leve, já assisti filmes de espião que tem muito mais torturas, e também convenhamos, o que é mostrado no filme provavelmente não chega nem a 1% do que realmente aconteceu nesses "interrogatórios".
Nessa pegada vamos aí uns 40 minutos de filme, mais ou menos, quando eles começam a mostrar cenas de alguns atentados ocorridos depois do 11 de setembro. Durante essa 1° hora de filme se destacam mais o Jason Clarke e a Jennifer Ehle, que praticamente tomam o lugar de "protagonista" que é da Jessica Chastain, eu achei isso até positivo, nos pontos fortes do filme eu explico o motivo.



Parte 2 - Durante a 2° hora do filme, a coisa melhora bastante, a Jessica retoma seu lugar de atriz principal, até porque os coadjuvantes saem de cena nessa segunda parte, e passamos a acompanhar a Maya (Jessica Chastain) que por durante uma década se dedicou exclusivamente a caçar Osama Bin Laden. Observamos a evolução dela dentro da equipe e as investidas do pessoal para rastrear e localizar o esconderijo de Bin Laden. E principalmente, a obsessão da Maya em achar o Osama.

Parte 3 - Destaco o desfecho final do filme, que assim como Argo, dura bastante, aqui em torno de 40 minutos mais ou menos. E pra mim é o ponto alto do filme, onde ocorre a ação planejada pela Maya.


Analisando o filme

Pontos fortes - Eu gostei bastante da atuação da Jessica Chastain, estava ótima, e da evolução do personagem, de "coadjuvante" novata na 1° parte do filme, a fodona que achou o Bin Laden da metade do filme em diante. Outra coisa que achei muito legal foi o filme ser dividido em subcapítulos, que vai deixando o espectador por dentro dos fatos ocorridos na época durante a caçada. As atuações do Jason Clarke e da Jennifer Ehle merecem destaque, estavam excelentes. E o principal ponto forte do filme na minha opinião foi o final, muito bem dirigido a ação de invasão no esconderijo do Bin Laden (quem gosta do game Call of Duty vai se deliciar nessa parte).



Pontos fracos - A 1° parte do filme é muito lenta e arrastada, entendo que o tema exige essa narrativa mais lenta, porém, cheguei a bocejar várias vezes na primeira hora do filme, quase cochilei, e olha que acho o tema interessante, imagine para quem não acha, ponto negativo nessa parte. Os "interrogatórios" não me convenceram, achei muito leve, se era para mostrar, então faz direito, eleva a censura e faz pra valer Bigelow, com o que você mostrou não me comprou!


Algumas curiosidades do filme

"ISI - Serviço Secreto do Paquistão"

"KSM - Khalid Sheikh Mohammed"

"Canário - A expressão "canário numa mina de carvão" (do original inglês, "canary in the coal mine") refere-se a qualquer sinal ou indicador avançado, que indique a iminência de um perigo."

"Geronimo - Codinome usado pelas Forças Armadas dos EUA para fazer referência a Bin Laden."

"Antes mesmo da morte de Bin Laden, A Hora Mais Escura  já estava sendo escrito pelo roteirista Mark Boal, que tinha acesso às atividades da mesma equipe de oficiais a quem coube executar o saudita. Depois da notícia da morte, o roteirista mudou o final do longa, com direito aos 40 minutos de tiroteio que resultaram na execução do líder talibã."

"Zero Dark Thirty" é um termo usado pelas forças armadas dos EUA para se referir a uma hora não especificada da madrugada em que o céu ainda está todo escuro."

"O Pentágono investigou a produção para impedir que ela revelasse segredos confidenciais da operação militar que executou Osama Bin Laden"



Bom, eu gostei do filme, ele é ótimo no que se propõe, que é a caçada do Osama, porém esperava muito mais. 
Indico ele se você gostar do tema central, terrorismo, ou se você gosta de games estilo "Call of Duty", se não gostarem disso, ou não gosta de filmes longos, que por vezes se torna cansativo, provavelmente (direi até que com certeza) você achará o filme chato pra caramba!

Pela atuação da Jessica Chastain, pela segunda parte do filme (metade em diante), pela montagem do longa e pelo momento "Call of Duty", eu dou 4 estrelas para o filme.

Até a próxima pessoal! 

Nota:

 






4 comentários:

  1. Adorei a resenha, bem explicadinha.
    Só uma pergunta: na sua opinião, esse filme tem alguma chance de ganhar alguma categoria no Oscar?

    Beijos
    www.passaporteliterario.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Isabela,

      Olha, sinceramente, não!
      Mas você sabe como é, "EUA + Bin Laden + Patriotismo", eles vão acabar dando algum prêmio ao filme, roteiro original ou montagem talvez, mesmo assim duvido muito. Só espero que eles não façam igual ao Globo de Ouro que deu melhor atriz para a Jessica, é a melhor atuação dela até aqui, mas não é pra Oscar.

      Obrigado, abraço!

      Excluir
  2. Oi Rozaniel

    Adorei a resenha do filme! Gosto do gênero e pretendo assistir, meu único receio é a parte parecida com interrogatório no começo (que não gosto muito) e a duração 157 minutos :o
    Como você deu quatro corações como nota, acho que vale a pena conferir!
    Parabéns!

    abraços Fabi

    www.fabianacardosoescritora.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Fabiana,

      Obrigado! É, o filme é bem longo, a 1° hora confesso que achei cansativa, mais o restante do filme me animou bastante, principalmente a parte final.

      Espero que você goste, abraços!

      Excluir

Olá, leitores e blogueiros.
Os comentários de vocês são muito bem-vindos.
Respondo a todos, deixe o link de seus blogs,
vou adorar visitar e comentar.

Bem vindos a Love Books.