28 fevereiro 2013

{Resenha} Eu Sou O Número Quatro




Oi Oi Gente!
Tudo bem por aqui?
Aqui estou mais uma vez, trazendo a resenha de um filme que na verdade, estou muito afim de ler o livro.
Faz alguns dias que assisti ao filme e gostei bastante, para quem já leu o livro, afirmo que não irei fazer comparações entre os dois, pois seria impossível, já que não li e mesmo que tivesse lido, livros e filmes sempre serão coisas diferentes. 
Sem mais, vamos ao que interessa.




Direção: D. J. Caruso
Gênero: Ficção cientifica, Ação
Duração: 109 min
Distribuidora: Walt Disney Pictures
Orçamento: US$ 50 milhões
Estreia: 15 de Abril de 2011

Sinopse: Nove alienígenas fugiram do planeta Lorien, onde eram conhecidos por números, para se esconder na Terra. O objetivo era se esconder dos Mogadorians, inimigos que precisam eliminar todos eles - e na ordem certa - para que poderes especiais não possam ser usados contra eles no futuro. A caçada já começou e os números Um, Dois e Três já foram assassinados. O número Quatro vive disfarçado entre os humanos, como John Smith (Alex Pettyfer), ajudado por seu protetor Henri (Timothy Olyphant) na tranquila cidade de Paradise, em Ohio. Enquanto descobre seus novos poderes, Smith conhece a estudante Sarah Hart (Dianna Agron) e se apaixona por ela, colocando em risco a vida de ambos e o futuro de sua raça, porque o inimigo já o localizou. A sua sorte é que a número Seis (Teresa Palmer) também o encontrou e ela pode ajudar na batalha.





A forma como começa o filme, é um pouco assustadora, faz parecer que ao invés de ser uma ação estamos diante de um daqueles filmes de terror assustadores. Eu sou o numero quatro conta a estória de um extraterrestre que junto com outras oito crianças são obrigadas a se mudarem para a terra com seus guardiões afim de sobreviverem a um ataque dos morgadorians. Já adolescente e curtindo um luau com os amigos o numero 4 recebe a noticia de que o número 3 está morto e que ele é o próximo. Então ele e seu guardião Henri mudam para Paradise em Ohio e o número 4 passa a ser chamado de John Smith, ele deve ficar escondido, mas sente necessidade de ir para a escola e não demora muito que nesse novo ambiente ele chame atenção.


E nesse ponto o filme realmente começa, John faz amizade com Sarah e Sam e enfrenta um grupo de adolescentes que implicam com ele, como em todo filme adolescente americano tem que ter, nessa nova cidade ele descobre seus poderes e que ele juntamente com os outros Loriens que restam devem se unir para salvar seu novo planeta, Terra, do ataque dos morgadorians.


O filme consegue explicar muito bem tudo o que está acontecendo para quem desconhece o livro e isto é um ponto altamente positivo. Devo dizer que a atuação de todos os atores está ótima e que o elenco se encaixa com uma perfeição notável. A atuação do Alex Pettyfer como John Smith é realmente boa, mas acredito que ele muda muito pouco em relação a seus personagens, já que assisti a outros dois filmes dele (Alex Rider e A Fera) e afirmo que em todos ele é exatamente igual. Essa questão do ator mudar pouco não me agrada, mas em relação ao Alex isso não incomoda tanto já que todos os filmes que fez estão praticamente na mesma base.


Sobre o ator Timothy Olyphant que interpreta o guardião Henri, não tenho especificamente muita coisa do que falar, acredito que provavelmente esse não é o primeiro filme dele que assisto, mas certamente é o primeiro em que realmente presto atenção, e ele é simplesmente incrível. Esse é o primeiro filme que assisto da atriz Dianna Agron porém ela faz a personagem Quinn no seriado Glee, ao contrário do Alex comparando sua atuação no filme com a do seriado ela tem uma mudança extraordinariamente boa e a sua atuação é incrível. O ator Callan McAuliffe que faz o Sam, também atua muitíssimo bem e de todos os personagens do filme ele é o meu preferido. A interação entre os três foi primordial para que acontecesse o sucesso do filme já que a estória é basicamente focada neles.


A trilha sonora do filme é muito boa, contando com músicas como Rolling In The Deep da Adele e Radioactive do Kings Of Leon, e se encaixam perfeitamente nos momentos. Somando esse quesito a todo o resto acho que o filme é realmente digno de 5 estrelas já que te prende por mais ou menos 1 hora e 50 minutos e não te deixa cansado ou enjoado do roteiro. É um filme muito bom para ser assistido em um fim de semana com a galera para se divertir, e acredito que irá te deixar exatamente como estou, desejando que exista a continuação.

Beijos!



8 comentários:

  1. Oi Luana. Bem não fiz nenhum dos dois ainda. Não li o livro e não vi o filme, mas depois de sua resenha fiquei com vontade de fazer os dois. Parabéns pela resenha. Valeu a dica. bjs
    Eykler

    www.aghridoce.blgospot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Eu gostei tanto do filme quanto do livro, mas já me disseram que o filme não lucrou o esperado, portanto, a continuação não vem. Adorei a premissa de vida alienígena parecida com a gente, lutando para manter os seus vivos. Os livros são fantásticos e merecem ser lidos. BJS Lu! Parabéns pela resenha!

    ResponderExcluir
  3. Eu não li o livro e não vi o filme mas me interessei por ambos,a história parece ser bem interessante e eu sou apaixonada pelo Alex Pettyfer,desde o filme A Fera,então não posso deixar de conferir essa indicação.

    bjsss

    Bianca

    http://www.apaixonadasporlivros.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi, eu não li o livro, mas vi o filme e gostei muito. Lembro que pensei em logo após compra o livro ,mas acabei não comprando. Gostei muito de suas explanações. Valeu!!!

    ResponderExcluir
  5. Eu também ainda não li este livro, mas já assisti ao filme algumas vezes e gostei bastante. Eu gostaria muito que o filme tivesse continuação, ou de repente até tem, e eu não saiba. Gostei muito dos atores e de toda a ação.
    Lia Christo
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oi flor, eu adorei este filme, concerteza é uma ótima dica, sem contar que eu adoro esse Ator.. Ele é lindo..
    Tb desejo uma continuação ^^
    Beijo Mila

    ResponderExcluir
  7. Eu li o livro e vi o filme.
    os dois são bons, mas o livro tem algumas partes muito paradas que cansam um pouco, o filme é mais dinâmico.
    Bjo

    ResponderExcluir
  8. Ótima resenha. Ass. Emanuel

    ResponderExcluir

Olá, leitores e blogueiros.
Os comentários de vocês são muito bem-vindos.
Respondo a todos, deixe o link de seus blogs,
vou adorar visitar e comentar.

Bem vindos a Love Books.