24 fevereiro 2013

{Convite à Leitura} São Bernardo (Graciliano Ramos)



Olá leitores e blogueiros,
Vamos conhecer mais um grande clássico da literatura indicado pelo nosso Colunista Rubens Scapone?!




Livro: São Bernardo
Autor(a): Graciliano Ramos
Editora: Record
Páginas: 268

Sinopse: Este livro conta a história de Paulo Honório, um homem simples, que movido por uma ambição sem limites, acaba transformando-se em um grande fazendeiro do sertão de Alagoas e casa-se com Madalena para conseguir um herdeiro. Incapaz de entender a forma humanitária pela qual a mulher vê o mundo, ele tenta anulá-la com seu autoritarismo. Com este personagem, Graciliano Ramos traça o perfil da vida e do caráter de um homem rude e egoísta, do jogo de poder e do vazio da solidão, onde não há espaço nem para a amizade, nem para o amor.







 

O convite à leitura de hoje se refere a um livro que em minha opinião, retrata algumas buscas pessoais pela qual passamos, além disso, uma só leitura não se faz necessário, mas sim, múltiplas, pois a cada nova leitura, encontramos novas descobertas, sendo estas comumente conciliáveis a nós.



“Resolvi estabelecer-me aqui na minha terra, município de Viçosa, Alagoas, e logo planeei adquirir a propriedade São Bernardo, onde trabalhei, no eito, com salário de cinco tostões.” 
(Graciliano Ramos)



Quando li esse livro clássico, refleti sobre algumas atitudes minhas e algumas limitações, e consequentemente entendo que uma das características fragmentadas dele seja a abordagem disso. São Bernardo constitui uma das principais obras de Graciliano Ramos.

Tendo como referência o narrador-personagem, o fazendeiro Paulo Honório, este busca entender sua vida escrevendo um romance, revelando uma solidão atormentada, confusamente ele reconhece a culpa por sua derrota pessoal, a fazenda São Bernardo, adquirida desonestamente, símbolo de sua capacidade empreendedora, está em decadência. Seu poder, conquistado com tenacidade, desfaz-se no isolamento em que vive. O forte desejo de possuir, levara-o a diluir a relações pessoais, destruindo todos os afetos possíveis. Todos se afastaram, inclusive sua companheira Madalena, que se matara por não suportar a condição de objeto a que era submetida e não resistir aos maus tratos. Diante desses conflitos, resta-lhe a memória amarga e que acentua fortemente o seu tormento.




  


9 comentários:

  1. Li Graciliano Ramos na época da faculdade, e me apaixonei. Ele tem tantas nuances em sua escrita que até mesmo profissionais não ligados a literatura fazem uso de suas obras para explorar aspectos relacionados ao Brasil de seu período. Ler Graciliano não é para qualquer um. Exige de nós muito esforço e sensibilidade. Eu recomendo...

    ResponderExcluir
  2. Adorei sua coluna... a gente lê tantos livros que estão ai na mídia e nos esquecemos dos nossos clássicos... vergonha admitir que nunca li nada do autor... mas vou anotar sua dica e ler esse livro assim que der!!

    Adorei!!

    Parabéns pela iniciativa!!!

    bjsss

    Bianca

    http://www.apaixonadasporlivros.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Adorei a coluna. A gene vem numa onda de ler só oque está na mídia que esquecemos dos clássico. Dica anotada. bjs
    Eykler
    www.aghridoce.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Confesso que sou meio negligente com os clássicos nacionais.
    A verdade é que não são estilos que eu curta muito, com excessão de Jorge Amado, hehehe

    Bjks

    ResponderExcluir
  5. oi, Solanga só li dois livros do Graciliano até hoje. Vidas Secas, a cachorra Baleia é "O personAGEM" fio condutor de todo o drama e Angústia que li agora por conta da prova da Pós-graduação reflete conscientemente o nome fora a densidade. Mas São Bernardo ainda não consegui passa da página 30. Mas valeu a dica.

    ResponderExcluir
  6. Adorei a dica! Eu só lembro de ter lido um livro de Graciliano Ramos, e já fazem muitos anos. Me sinto até envergonhada com isso... kkkk
    Dica mais que anotada, abraços.
    Lia Christo
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
  7. Oi, ainda não li o livro, mas gostei D++ da dica.
    Beijocas
    http://marlicarmenescritora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Olá! Como vai você?
    Vim aqui para avisar que te indiquei a um selinho lá no meu blog. Espero que goste :D
    http://blogsonhoselivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. É bem dificil eu ler um livro nacional, nada contra, é que ainda não vi algum que me chamasse atenção, mas valeu pela dica, vou da uma olhada nesse

    http://tyciahadiresenhas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Olá, leitores e blogueiros.
Os comentários de vocês são muito bem-vindos.
Respondo a todos, deixe o link de seus blogs,
vou adorar visitar e comentar.

Bem vindos a Love Books.